quarta-feira, 22 de setembro de 2010

inocente demais, puro demais.


Você me magoou, brincou com os meus sentimentos, tudo o que eu sentia por você foi embora como em um desencanto, sua traição doeu até mais do que pensei. Você acha realmente que meu sentimento por ti é maior do que meu amor próprio? E se tivesse sido diferente? E se você ficasse sabendo de uma traição minha? Você me perdoaria? não, eu acho que não. Queria que o meu sentimento e o nosso "amor" tivessem nascido em outro momento, talvez teria dado certo, você seria mais 'homem' e eu bem mais 'mulher'. Sei que parte da culpa é minha por não ter sido mulher o bastante pra você ... Eu pensei tanto se devia ou não mergulhar nesse amor por inteira, mas justamente quando minha confiança em você não podia ser maior, a notícia cai como uma bomba, meu mundo cai, sua imagem com ela é só o que vem em minha cabeça. Talvez um amor idealizado demais, inocente demais, puro demais tenha surgido em mim como nunca outro vai surgir. Não sei se vou amar alguém com a mesma intensidade que te amei ... Sei que pra você eu posso ter sido apenas mais uma, mas pra mim você foi o primeiro. Vai estar pra sempre em mim como uma lembrança, uma das melhores lembrançar, mas eu não quero, não posso e não aguentaria passar por tudo isso de novo.
Autor Desconhecido.